Notícias

MULHERES DE PIQUIÁ DE BAIXO APRENDEM A CONFECCIONAR ARTESANATO EM PELÚCIA

Notícias

MULHERES DE PIQUIÁ DE BAIXO APRENDEM A CONFECCIONAR ARTESANATO EM PELÚCIA

O minicurso é uma das atividades realizadas pelo Projeto Direito à Saúde que acompanha a comunidade

Durante toda essa semana, 13 mulheres de Piquiá de Baixo, bairro de Açailândia (MA), reuniram-se na sala do Clube de Mães da comunidade para aprender como confeccionar artesanato em pelúcia, de forma totalmente gratuita. O minicurso, oferecido pelo Projeto Direito à Saúde e que se encerra hoje (18), tem por objetivo possibilitar a essas mulheres uma opção de renda.

 

Desde o ano passado, Francisca de Sousa Conceição (conhecida como Neguinha) vem aprendendo artesanatos por meio dos minicursos e já vende as suas produções. Para Simone Costa Ferreira, que pela segunda vez participa de um minicurso, além de uma futura opção de renda, a atividade possibilitou conhecimento. “A gente tem a oportunidade de aprender. Eu era por fora de tudo e com esse projeto fui me reconhecendo”, diz.

 

Jordânia Silva, que coordena a equipe do Projeto, acredita que o minicurso é uma forma das mulheres ganharem certa autonomia financeira, vendendo o que forem produzindo. Ela explica que as vendas são feitas em assentamentos, no próprio bairro, e nos festejos de Piquiá de Baixo e de Piquiá de Cima “sempre tem uma barraquinha destinada ao artesanato e a gente leva os produtos”. No final de 2015, alguns dos artesanatos produzidos pelas mulheres durante os minicursos foram expostos na quadra de Piquiá de Baixo.

 

Sobre o projeto

O Projeto Direito à Saúde de Piquiá de Baixo existe há quatro anos e acompanha 35 famílias do bairro em questões referentes à saúde e moradia, além de também ofertarem algumas atividades de minicursos. “Ao todo são oferecidos quatro [minicursos] durante o ano, sempre com duração de uma semana, de segunda a sexta-feira”, explica Jordânia. A escolha dos minicursos é feita pela equipe do Projeto, juntamente com quem as ministra.

 

Por Idayane Ferreira

Notícias recentes

Inscreva-se para receber nosso Boletim de notícias